Cravo e Canela

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Aventuras da vida



Manhã no INSS.

O agendamento era às 7:30h, mas por incrível que pareça eu cheguei atrasada. Tudo tranquilo se não fosse a quantidade abençoada de filhos. 


A senhorinha demorou 2:45min cronometrados para arrumar a papelada toda. Eu curiosa perguntei:



- Esse programa é muito lento, né?
- Por que?
- Porque já faz duas horas que a senhora está comigo aqui.
- Não, o programa é rápido você é que tem muitos filhos.
- Rsrsrsrsr.
- É! Eu gostava de ficar grávida.
- E como. A diferença de idade da sua mais nova para o do meio é pouca.
- É. (fiquei vermelha)
- Mas entendo, você queria ter logo cedo, né?
- Não foi bem assim. Eu descuidei mesmo. 

- Pronto. Ufa! acabei.

- Você tem o valor que vamos receber?

- Não, mas espero que seja um valor bom... não teria coragem de ter mais que    um filho, hoje.
- Não!?
- Não, essa história de que onde se come um, dois, três, quatro. Não acredito.
- Eu acredito!
- Nota-se. (sorrindo)
- Cuide dos seus filhos pois, são um presente que devemos sempre agradecer.
- Obrigada, eu sou grata.
- Boa sorte.

E assim é ter meus amores. Não tenho nenhuma dúvida que sou abençoada, pois nada nos falta. Deus está olhando para o seus presentes e dando uma mãozinha de PAI.

1 comentários:

Rayssa

Adoro..seus post's Gabi...sempre qd posso dou uma espiadinha aqui...beijos linda...saudades...