Cravo e Canela

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

esse é o dia



De: "Valdson Alencar" valdson@fortalnet.com.br
Para: gabriela@fortalnet.com.br
Enviadas: Terça-feira
, 14 de Julho de 2009 24:10:25
Assunto: Paixões 

Acho um saco falar dessas coisas, olha o anexo. 
Tu ainda tá com aquela idéia? talvez eu não saiba mais como é a vida longe de ti.

T.A 

saudades,

ósculos e amplexos. 
V@ldson





AS PAIXÕES DA MINHA VIDA

Nasci aos 13 de Dezembro de 1964. Meu nome tem Antonio porque nasci “laçado”, ou seja, com o cordão umbilical em volta do pescoço. Nasci na maternidade pública de Maranguape.
Não éramos ricos, éramos pobres, mas minha infância foi muito feliz. Minha mãe, que Deus a tenha (ela acreditava nele), sempre teve consciência da importância da educação e da escola como forma de mudança da nossa condição social. Brinquei muito, dessa época vem a minha paixão pelo esporte, primeiro o futebol como uma grande maioria dos meninos da minha idade.
Estudei razoavelmente, nunca ficava reprovado. Aos 14 anos fiz um exame de seleção aconselhado pelo meu queridíssimo pai, fui o único da minha região que entrou na antiga Escola Técnica. Não tinha a exata noção da importância e do privilégio que era estar naquela escola. Após um teste vocacional que indicava o curso de Mecânica e mais uma vez por influência de meu pai, acabei escolhendo o curso de Telecomunicações, ele era técnico da Embratel nesta época e trabalhava com Telex..
No curso de Telecomunicações descobri, a partir daí, mais uma grande paixão, acabei descobrindo também minha profissão. Trabalhar com eletrônica e computadores passou a ser a forma de construir minha vida profissional, não fazia concurso pra nada, esperava para construir minha vida profissional nesta área.
Passava o dia inteiro na Escola Técnica, assistindo aulas, sendo monitor nos laboratórios de eletrônica e me realizando em mais uma grande paixão, o basquete, eu sou pequeno, 1,67m, mas para o tamanho do pessoal da escola técnica e jogando como armador, o fazia muito bem, aliás no esporte nunca participei por participar, sempre tive muito forte o espírito de competição, também comecei a desenvolver um forte espírito de liderança e de luta para vencer.
Ao terminar o curso de Telecomunicações fui indicado por professores para um estágio em uma empresa de controle de segurança e de alarmes digitais, era meu primeiro trabalho profissional com eletrônica, passei pouco tempo, fui logo convidado para trabalhar em uma empresa de computadores, que estava começando no mercado de microcomputadores, passei 1,5 anos e depois mais 1,5 anos em outra empresa.
Aos 21 anos com um lado empreendedor muito forte, criei minha primeira empresa a partir de um projeto de hardware e software, criado por mim. Formavam uma rede de computadores em um modelo cliente servidor para automação comercial. Anos depois soube que o projeto usava estas duas técnicas que nem haviam sido descobertas ou formalizadas ainda.
O esporte sempre seguia junto a minha vida, como uma filosofia, eu sempre achei fundamental para mim. Aos 22 anos comprei minha primeira motocicleta e conheci através de um chefe o Off Road. A partir daí este esporte ajudou a fazer a minha personalidade. Pratiquei seriamente, fui campeão cearense na principal categoria por 8 vezes em motocicletas, fui campeão cearense também nos carros. Participei das provas de nosso esporte no nosso país, Enduro da Independência, Rally dos Sertões, Cerapio etc.
Profissionalmente, enquanto minha empresa crescia fiz um concurso e entrei como professor da Escola Técnica em 1987, dei minha primeira aula na Escola Técnica em 9 de março aos 22 anos. Foi sensacional. Descobri mais uma paixão intensa, ser professor.
Já estando na Escola como professor, nunca fui dedicação exclusiva, e com a minha empresa atuando em automação comercial, decidi fazer o curso superior em Economia, incentivado pela minha namorada e atual esposa há quase 16 anos, a Gabriela, outra grande paixão da minha vida, a qual devo muito e uma parte grande desta história e também com um grande incentivo da necessidade que eu tinha em conhecer melhor o funcionamento das empresas por conta da atuação da minha empresa. A Economia me daria uma visão holística das empresas e do mercado, bem mais ampla que o curso de administração por exemplo.
Com a mudança do mercado, criei uma empresa de Internet, provedor de serviços e fui me desligando aos poucos da empresa de automação comercial e me dedicando apenas a FortalNet. Neste período fiz mestrado em Computação na área de avaliação em Educação a distância.
Dando sequencia ao meu lado “professor Pardal” criei um equipamento para o controle dos carros de serviços da FortalNet e que acabou gerando mais uma empresa, sendo esta uma empresa de rastreamento de veículos, a FindNet.   
A minha família é incrível, minha mãe sempre trabalhou, como costureira, e por mais que ela tenha lutado para me dar tudo o que ela não pode ter, sinto que não tive tempo de demonstrar o quanto sou agradecido por isto, ela se foi muito cedo, vítima de problemas cardíacos. Devo absolutamente tudo a essa mulher e ao meu pai, que me ensinaram a ser quem sou.
Tenho agora mais 3 paixões, filhos maravilhosos, Mariana, João  Neto (homenagem ao meu pai) e a caçula Júlia. Sou capaz de dar a minha vida por qualquer um deles. Tambem estou no doutorado na Universidad Americana por achar a melhor opção para a minha vida em termos de doutorado, principalmente por me desligar da minha realidade por uns dias estudar e depois voltar.
Este sou eu com as minhas paixões.

Eu recebi esse e-mail para analisar. O sabido estava fazendo umas bobagens e arrumou um jeitim de quebrar o coração do escorpião feroz. Acho que isso foi a primeira vez que li algo feito por ele para ele mesmo.   Ele é modesto, existe muita coisa que não foi dita, mas quem o conhece  sabe do que ele é capaz de criar. Me sinto envaidecida de verdade. ELE É O CARA, EU SEI, E ISSO ME BASTA! Já te perdoei faz tempo viu! Malandro...Rsrsrsr

7 comentários:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez

muito bonito o texto... ele escreve muito bem. e sim, quebra um coração.
bom dia!

Marcia Regina Arão

Olá Gabriela,

Que post lindo esse de hj!!! Parabéns para o Valdson. O amor de vcs é inspirador!!! Que Deus continue abençoando sua família, fortalecendo os seus braços, dando-lhe ternura! E fazendo de vc essa mulher virtuosa que és!!! bjos

Lucelia

Querida, eu tenho um "Oscar" para você no meu blog. Aceite.É seu.
Bjs!!!
Lu

Lucelia

Tem outro selinho para vc no meu blog.
Bjs!
Lu

Lucelia

Tem outro selinho para vc no meu blog.
Bjs!
Lu

Suzi Montenegro

.

O amor é sempre maior.

Agradeço seu carinho e peço desculpa pela minha demora em vir aqui. O tempo anda correndo contra mim. rsrs

Beijos e sorrisos

.
.

NEM TANTO FUTEIS

OOOO :)
bjs